Já o texto da mulher de Gáspari, Dorrit Harazim, sobre um gari que deu um “presta atenção” num motorista de juíza, tinha tudo para ser legal, mas acabou apenas piegas ao procurar culpar o PT pelo caos social que o país vive há tempos.

Deixe um comentário