Demorou, mas alguém acabou dizendo o óbvio: o Brasil está em guerra. Assim, como dizia Sun Tzu, podemos esperar qualquer coisa, menos que o inimigo não ataque. Por isso, toda vez que for anunciada a prisão de um chefão do tráfico, planos de construção de presídios de segurança máxima de verdade ou descoberta de rotas de drogas ou armas é bom se preparar que o contra-ataque virá.

Deixe um comentário